MATO GROSSO, 19 de Junho de 2024

cotações: DÓLAR (COM) 5,43 / EURO 5,84 / LIBRA 6,91

polícia Terça-feira, 09 de Março de 2021, 10:36 - A | A

Terça-feira, 09 de Março de 2021, 10h:36 - A | A

ATENDIMENTO HUMANIZADO

Delegacia de Colíder inaugura Núcleo de Atendimento Especializado à Mulher

Assessoria

A Polícia Civil do município de Colíder (650 km ao norte de Cuiabá) inaugurou nesta segunda-feira (08.03), o novo espaço da unidade onde funcionará o Núcleo de Atendimento Especializado à Mulher, vítima de violência sexual, doméstica e familiar. O local foi estruturado especialmente para acolher as vítimas em um ambiente acolhedor e humanizado.

 

A data da inauguração, realizada de forma simbólica, foi escolhida em alusão ao Dia Internacional da Mulher, e para comemoração foi preparado um café da manhã para os servidores da Delegacia de Polícia.

Conforme a delegada Paula Gomes Araújo, o projeto para a implantação do núcleo especializado iniciou no ano passado, na gestão do delegado Eugênio Rudy Junior, sendo então dado sequência por ela e toda equipe da unidade.

 

A preparação e instalação do novo ambiente contou com apoio da sociedade organizada, que contribuiu com a reforma, além do apoio do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) que disponibilizou recurso para pintura do espaço.

Além da pintura, foram feitas a troca de piso, colocação de novas mobílias e brinquedos que serão disponibilizados para entreter as crianças acompanhadas das mães.

Com o funcionamento do Núcleo de Atendimento Especializado à Mulher, a Delegacia de Polícia de Colíder passa a ter um ambiente adequado e com maior privacidade para as vítimas.

 

“Um dos principais objetivos foi alcançado, que é proporcionar um local para que essas mulheres se sintam mais seguras ao procurar a Polícia Civil, e relatar qualquer tipo de violência que estejam sofrendo. Essas vítimas poderão contar com um apoio especializado e maior orientação jurídica”, destacou a delegada Paula Gomes Araújo.
 

 

 

Nossas notícias em primeira mão para você! Link do grupo MIDIA HOJE: WHATSAPP



Comente esta notícia