MATO GROSSO, 19 de Junho de 2024

cotações: DÓLAR (COM) 5,43 / EURO 5,84 / LIBRA 6,91

x da questão Terça-feira, 16 de Março de 2021, 19:02 - A | A

Terça-feira, 16 de Março de 2021, 19h:02 - A | A

30 MIL POR CABEÇA!

Site de ex deputado diz que grupo de cuiabanos organiza viagem a Cuba para se vacinar

Redação

1

 

O site O Documento, do jornalista e ex-deputado estadual Maksuês Leite, informa que um grupo de 120 pessoas de Cuiabá estaria organizando uma viagem a Cuba para tomar a vacina Sputinik V, da Rússia. A viagem custaria R$ 3,6 milhões. Rateado o valor, cada cidadão cuiabano desembolsaria R$ 30 mil para a aventurazinha na ilha cubana.

Confira a postagem:

"O desespero em busca do imunizante contra a Covid-19 levou um grupo formado por empresários, profissionais liberais e autônomos da Capital a planejar provável viagem a Cuba, orçada em R$ 3,6 milhões. Ao todo, devem embarcar rumo a ilha dos Castros, 120 pessoas, devidamente testadas (exames de PCR), e com mais de 18 anos, aptas a tomar a vacina russa, Sputnik V.  Cada passageiro vai desembolsar R$ 30 mil. Do valor total arrecadado, R$ 2 milhões vão custear o fretamento da companhia aérea e outro R$ 1 milhão será doado ao governo cubano, responsável pela disponibilidade e aplicação das vacinas. A menor parte, R$ 600 mil, será usada para pagamento de hospedagens e alimentação do grupo, em Havana. É a completa desmoralização do governo, Jair Bolsonaro."

A intenção do governo cubano de vacinar turistas que viajarem ao país contra Covid-19 foi confirmada no último mês de fevereiro pelo diretor do Instituto Finlay de Havana, Vicente Vérez. Em entrevista à emissora TelesurTV, ele afirmou que a meta é vacinar toda a população local ainda em 2021 e que visitantes também terão direito "se quiserem". 

De acordo com Vérez, quatro vacinas estão sendo testadas na ilha em fase avançada, sendo a principal delas a Soberana 2. A previsão é de que 100 milhões de doses do imunizante sejam produzidas em 2021, cujo uso pode ser autorizado ainda em março. Cuba é atualmente presidida por Miguel Diaz-Canel.

A informação sobre a oferta da vacina russa, porém, não foi confimada.

Seja como for, a disposição do governo cubano em "presentear" turistas com vacinas deve provocar congestionamento de jatinhos na ilha dos Castros. 

Vivemos tempos estranhos, como diria um ministro do STF.

 

Nossas notícias em primeira mão para você! Link do grupo MIDIA HOJE: WHATSAPP



Comente esta notícia