MATO GROSSO, 17 de Junho de 2024

cotações: DÓLAR (COM) 5,38 / EURO 5,76 / LIBRA 6,82

variedades Segunda-feira, 24 de Maio de 2021, 12:00 - A | A

Segunda-feira, 24 de Maio de 2021, 12h:00 - A | A

OBRA APREENDIDA

‘Mulher deitada’, escultura de Alfredo Ceschiatti, será leiloada

Correio Braziliense

Reprodução

1_mulher_deitada-6672219.jpg

 

A escultura Mulher deitada, do escultor, desenhista e professor Alfredo Ceschiatti, será leiloada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. O prazo para os lances, que têm valor inicial de R$50 mil, está aberto até 31 de maio, de forma on-line.

O leilão, realizado pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Senad/MJSP), foi autorizado pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. A escultura foi apreendida na capital carioca em operação que envolve corrupção e lavagem de dinheiro.

Ceschiatti em Brasília

Entre 1963 e 1965, o artista deu aulas de escultura e desenho na Universidade de Brasília (UnB). No Distrito Federal, brasilienses e turistas podem contemplar obras de Ceschiatti na Catedral Metropolitana, no Palácio da Alvorada, na Praça dos Três Poderes, no Salão Verde da Câmara dos Deputados e no Palácio Itamaraty (veja a lista abaixo).

Mineiro de Belo Horizonte, Ceschiatti nasceu em 1918 e, após uma viagem à Itália, se apaixonou pelas obras renascentistas, movimento cultural europeu dos séculos 14 e 16, que se contrapunha aos valores católicos da Idade Média.

Na volta ao Brasil, Alfredo matriculou-se na Escola de Belas Artes e desenvolveu um estilo que preza pelo equilíbrio e leveza. Em relação à escultura Mulher deitada, que será leiloada, o Ministério da Justiça e Segurança Pública informa que a obra tem documentação que comprova a autenticidade e originalidade. O recurso arrecadado será destinado aos cofres públicos. Para mais informações sobre o leilão, clique aqui

 Onde ver Ceschiatti no DF?

A Justiça
Escultura em granito em frente ao prédio Supremo Tribunal Federal (STF), na Praça dos Três Poderes

O Anjo
Ceschiatti não batizou a obra do salão verde da Câmara dos Deputados. Mas ela ficou conhecida como “O Anjo”, talvez pela semelhança com os anjos da Catedral

As Iaras ou Banhistas
Estão no Palácio do Planalto

Os Evangelistas
Enfileiradas na porta de acesso à Catedral Metropolitana de Brasília, as esculturas são assinadas por Alfredo Ceschiatti e Dante Croce

Os Anjos
Pendurados no teto da Catedral Metropolitana de Brasília foram esculpidos por Alfredo Ceschiatti e Dante Croce

As Gêmeas
Pode ser admirada na cobertura do Palácio Itamaraty

Nossas notícias em primeira mão para você! Link do grupo MIDIA HOJE: WHATSAPP



Comente esta notícia