MATO GROSSO, 21 de Junho de 2024

cotações: DÓLAR (COM) 5,46 / EURO 5,85 / LIBRA 6,91

geral Terça-feira, 29 de Junho de 2021, 16:49 - A | A

Terça-feira, 29 de Junho de 2021, 16h:49 - A | A

NOVAS IMAGENS

Novas imagens mostram empresária engatinhando e Muvuca retirado por bombeiros

A Gazeta

Reprodução

1aa82b2ea8d64c318ff635545fdba802.jpg

 

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que o jornalista José Marcondes Neto, conhecido como “Muvuca”, e a ex-namorada Nádia Mendes Vilela são socorridos. Após receber três disparos, a empresária deixa a farmácia engatinhando para pedir ajuda.

Segundo as imagens do circuito interno, a tentativa de feminicídio durou aproximadamente 15 minutos, desde a chegada de Muvuca na farmária, até o Corpo de Bombeiros e Polícia Militar retirar o corpo do jornalista, que ainda foi atendido com vida. Assim que Nádia conseguiu fugir, o jornalista atirou contra a própria cabeça.

Nádia atendia um cliente, quando Muvuca chegou ao local. Ele espera na fila, até que começa a conversar com a empresária. Insistindo, o jornalista passa pelo balcão e convence Nádia a entrar no escritório, onde conversam sozinhos.

Já no escritório, Muvuca senta e Nádia fica em pé, com os braços cruzados. Eles conversam por quase 5 minutos. Muvuca chega a gesticular como se estivesse implorando, no entanto, ele levanta e logo saca a arma. Nádia descruza os braços e tenta se defender, correndo depois para o corredor.

Enquanto conversam, uma funcionária fica o tempo todo de olho no local. Quando escuta o disparo, sai correndo para um estabelecimento vizinho, para pedir ajuda. Sem sucesso, a mulher ainda atravessa a faixa, chamando outra pessoa.

Neste momento, Nádia sai engatinhando da farmácia, até que é socorrida pela funcionária. Sem um sapato, a empresária atravessa a rua correndo e entra em um carro, que estacionou na lateral. Ela é levada para uma unidade de saúde.

A Polícia Militar chega primeiro ao local do crime, 5 minutos após Nádia ser levada para o hospital. No intervalo, diversas pessoas entram na farmácia. Os bombeiros chegam e retiram Muvuca, que aparentemente está caído em um ponto cego da câmera. Ele sai em uma maca.

 

Crime

Informações indicam que Muvuca não aceitava o término do relacionamento e atirou contra a mulher dentro da farmácia em Tangará da Serra (239 km a médio-norte de Cuiabá).

 Após atirar contra Nádia, Muvuca disparou um tiro contra ele mesmo. Em seguida, foi socorrido intubado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com perda significativa de massa encefálica, convertendo o quadro clínico em uma situação irreversível.

Ele passou por cirurgia, mas não resistiu e acabou morrendo por volta das 21h.

 

Nossas notícias em primeira mão para você! Link do grupo MIDIA HOJE: WHATSAPP



Comente esta notícia